Bel – O Amor para Além da Morte

Care Santos

Desengane-se quem pensa que Bel – O Amor para Além da Morte é um livro destinado ao público juvenil. Trata-se de um livro para jovens, de facto, mas para jovens de todas as idades. Da autoria de Care Santos (Barcelona - 1970), vencedora do Premio Ciudad de Alcalá de Narrativa,...
COMPRAR 18,80€ P.V.P:
CARACTERISTICAS GERAIS:
  • n° PAGS:360
  • ISBN:978-989-657-095-8
  • DIMENSÃO:15x21
EXCERTO do 1? CAPÍTULO:

Bel atreve-se a sair do seu quarto. Sente curiosidade em saber o que está a acontecer. Do corredor vê o pai a olhar para a televisão, absorto. Segura qualquer coisa entre as mãos. Uma chávena vazia. Quando o observa melhor, apercebe-se de que os seus olhos não estão fixos no ecrã, mas sim em algum ponto dos ladrilhos do chão. Parece-lhe que ele está pálido e que tem olheiras, como se estivesse doente, muito embora assim a esta distância não possa ter a certeza. Também lhe parece que o pai emagreceu.

Por sorte, ele não a viu. Dá meia-volta no corredor e dirige-se ao quarto dos pais. Ao passar em frente de Trasto, este volta a rosnar, farejando o ar com as orelhas muito direitas. Acordou de repente.

– Que se passa contigo, lindo? Estás zangado comigo? – pergunta Bel, agachando-se para lhe acariciar a cabeça. Contudo, antes de conseguir tocar-lhe, o cão levanta a cabeça e vai-se embora na direcção da cozinha.

Mas que diabo se passará com toda a gente nesta casa hoje?, inquieta-se Bel, observando o animal esquivo. O mais estranho é que a mãe continua na cama. São quase oito horas e ela dorme como uma pedra. E mais esquisito ainda é o facto de o despertador parecer estar desligado.

 


 

Parece que hoje tem o dia livre. Será feriado? Não, pois se hoje é… A verdade é que pode dar-se o caso de ter perdido a conta aos dias. Ou talvez lhe tenham dado uns dias de férias. Está sempre a dizer que vai gozar todos os dias de férias que lhe devem, mas depois nunca o faz. Pode ser que se tenha, por fim, decidido a cumprir a sua palavra. Já estava mais do que na hora…

Bel senta-se junto da mãe, na beira da cama. Gosta de a ver dormir. Isso transmite-lhe uma tranquilidade estranha. Debaixo do edredão, também lhe parece que ela está mais magra. Mostra-se pálida e apresenta as feições mais marcadas do que nunca.

 

 Pode ser que esteja constipada. Talvez seja por isso que não foi trabalhar.Encontra-se de barriga para cima. Ressona um pouco. Bel sorri: se a mãe soubesse que ressona, ficaria muitíssimo desgostosa. Não suporta que o pai lhe diga que às vezes emite uns pequenos ruídos enquanto dorme. Sente-se tentada a acariciar-lhe o braço, a acordá-la sem sobressaltos, como quando era pequena e lhe dava beijos nas faces para que ela se levantasse a fim de lhe preparar o pequeno-almoço. Sussurra:


– Mamã.

A mãe não a ouve. Continua a dormir. Parece muito tranquila. Isso fá-la mudar de opinião.

 

 O melhor é deixá-la dormir. De certeza que está muito cansada.A mãe sorri sem acordar.


Deve estar a sonhar com uma coisa bonita.

Quando se levanta dá-se conta da imensa confusão de objectos que se encontram em cima do toucador, e também espalhados pelo chão, por debaixo do móvel. Trata-se de uma desordem desconhecida nesse lugar.A mãe é a mulher mais ordenada do mundo. Bel aproxima-se para olhar para as coisas que estão espalhadas pelo chão. Ao que tudo indica, parece ser o conteúdo de uma mala de mão: chaves, uma agenda pequena, um pacote de lenços de papel, uma esferográfica, uma caixinha de caramelos, um telemóvel metido no seu estojo, alguns recibos de pagamentos efectuados com cartão de crédito, facturas… Por um momento, duvida que tudo aquilo pertença à sua mãe. A mala está pendurada, vazia e de pernas para o ar, no banquinho do toucador. É como se tivesse caído e ninguém se tivesse dado ao trabalho de apanhá-la.

Este desastre não pode ser da minha mãe, diz ela para si mesma.

Bel coloca os recibos de parte e repõe todas as coisas no seu devido lugar. De repente, as suas mãos tropeçam em qualquer coisa que chama a sua atenção. Trata-se de um cartão branco encabeçado por uma cruz. Nada mais nada menos do que um cartão de pêsames.

Será que morreu alguém nosso conhecido?, pergunta-se Bel intrigada. Há pouca luz no quarto (a persiana está corrida quase por completo) e é obrigada a colar o nariz ao cartão para poder lê-lo. Quando o consegue, fica sem palavras.

Meu Deus.

Surge então na sua testa uma ruga bastante profunda. Bel morde o lábio inferior. Não sabe o que pensar. Lê o cartão outra vez.

Não pode ser.

Uma terceira vez, até se convencer do que julga ser impossível. Do que não deveria ser, mas é.

Belinda Anglas Magem

Faleceu no dia 22 de Dezembro de 2008, com a idade de 16 anos.

Os seus inconsoláveis pais, familiares e amigos

rogam que a tenhais presente nas vossas orações.

Meu Deus. Sou eu. É o meu nome.

O papel escapa-lhe dos dedos. De súbito, sente um frio impossível de definir.

Estou morta, pensa.


Description image
SOBRE o AUTOR:

Care Santos

Care Santos é autora de uma extensa obra literária que inclui oito romances, sete livros de contos e inúmeros títulos de literatura para jovens, área onde é uma das autoras mais reconhecidas e lidas de Espanha. Entre os seus... VISITAR PAGINA SOBRE O(a) AUTOR(a)

SE GOSTOU DESTE LIVRO, NÃO PODE DEIXAR DE LER:

COMENT&Aactute;RIOS

  1. #104 por Inês Martins em 12 de Dezembro de 2010

    Adoro esse livro! Já o tenho,e juro nunca ter sentido todas as emoções e sentimentos k sinto quando o leio…
    Parece que estou mesmo na historia,e cada vez que leio mais,mais vontade tenho de ler.
    Hoje é o segundo dia que tenho livro e já vou na página nº 200! O livro tem 350 paginas.
    A historia é linda *-*
    Parabéns
    :)
    <3

  2. #781 por Micaa em 6 de Julho de 2011

    Comprei o livro e li-o em dois dias.
    Foi o melhor livro que li, todos os dias fico a pensar nele, como será morrer e deixar alguem que amamos na terra?
    Procuro mais livros assim parecidos porque amei este livro.
    Se alguem souber p.f me diga algum/alguns!
    Parabens Care Santos o livro é mesmo lindo S2

COMENTAR

 

ENVIAR a um AMIGO!

Recomendar o livro "Bel – O Amor para Além da Morte"

Preencha correctamente todos os campos do formulário abaixo.

Obrigado pela sua recomendação!

A sua mensagem foi enviada com sucesso.